Quero mostrar que esta fase também pode e deve ser bonita, saudável, activa e vivida com muita felicidade!!...

domingo, 6 de dezembro de 2009

Conselhos... úteis

Aquilo a que deve dizer sim  e não, quando atinge uma idade avançada.


Diga sim...


- A exercícios aeróbicos, isto é que actuem sobre a respiração, melhorando-a, como caminhar;

- a exercícios na água ou à prática de natação moderada: é que a força da água anula a gravidade e facilita a mobilidade articular, possuindo mesmo um efeito analgésico;

- à prática de marcha em terreno plano e macio;

- a exercícios de alongamento, como se estivesse a espreguiçar-se;

- a exercícios praticados com companhia, pois ganha o corpo e ganha a mente, graças ao convívio social;

- a uma alimentação racional, que forneça a quantidade de cálcio necessária a prevenir a fragilidade dos ossos (osteoporose).



Diga não...

- a terrenos acidentados;

- a exercícios que impliquem saltos e trepidação;

- a musculação;

- a ciclismo em terreno irregular;

- a exercícios que impliquem grande esforço, nomeadamente uma sobrecarga osteo-muscular;

- a movimentos que impliquem o risco de queda, já que na terceira idade é elevado o perigo de uma fractura;

- a exercícios que causem falta de ar.



Exercício porquê?

São muitas as razões que justificam o combate ao sedentarismo quando se entra na chamada terceira idade. Da promoção da saúde ao bem-estar emocional:
- a prática de exercício melhora a resistência física, deixando a pessoa mais ágil, mais rápida e com melhores reflexos;
- melhora o equilíbrio, a mobilidade e a flexibilidade;
- fortalece os músculos das pernas e das costas;
- melhora a respiração, diminuindo as probabilidades de episódios de falta de ar;
- activa a circulação sanguínea, ganhando-se mais vigor e tornando o coração mais resistente;
- a vida sexual sai beneficiada com um corpo em forma;
- aumenta a auto-estima, diminui a tensão e combate a solidão, já que o natural é que, com o tempo, se conquistem parceiros de marcha ou de natação.


A responsabilidade editorial e científica desta informação é da
"Farmácia Saúde"

Sem comentários:

Enviar um comentário