Quero mostrar que esta fase também pode e deve ser bonita, saudável, activa e vivida com muita felicidade!!...

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Combater a dependência e o isolamento

Com o serviço de teleassistência. Conheça este projecto inovador lançado pela Cruz Vermelha Portuguesa.

À distância de um toque. É desta forma que a Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) descreve a sua linha de apoio Teleassistência, um projecto que já está em funcionamento há dois anos.
O principal objectivo deste serviço é, sobretudo, facilitar a vida de quem está numa situação de dependência ou de isolamento. A linha de apoio funciona 24 horas por dia e 365 dias ao ano, em todo o território nacional.

Basta carregar no botão

O equipamento da Teleassistência inclui uma pulseira ou colar de pescoço (conforme o caso) com um botão de emergência que, ao ser pressionado, estabelece contacto imediato com o call center da CVP. “Este equipamento permite que o utente fale e oiça sem necessidade de um auscultador, tornando-se assim muito mais fácil a comunicação no caso de emergência”, explicou Helena Brighton, operadora do serviço.
Do outro lado da linha está um profissional que tentará encontrar a melhor resposta para a situação. No caso de emergência será accionada a rede de suporte da zona e todas as chamadas são respondidas. “A Cruz Vermelha trabalha com a colaboração da PSP que, mesmo nos casos em que é accionado o botão de emergência e o utente não fala, seja porque não consegue ou por outro motivo, é enviado um carro patrulha para perceber o que se passa”, esclarece ainda Helena Brighton.

Para emergências e não só

A Teleassistência é um serviço que ajuda também a combater a solidão que, em Portugal, afecta sobretudo os maiores de 70 anos.

Helena Brighton alerta que a solidão em Portugal “está a crescer”, avaliando pelo número de chamadas que recebem pela linha de apoio. “A nossa vida hoje é mais atribulada, os familiares estão extremamente ocupados com o trabalho e com os filhos, acabando por não ter tempo para estar com os mais velhos”, justifica.
O preço do equipamento é de 70 euros e a prestação mensal pelo serviço varia entre os 20 euros (pacote básico) e os 23€ (apoio avançado).

Sem comentários:

Enviar um comentário