Quero mostrar que esta fase também pode e deve ser bonita, saudável, activa e vivida com muita felicidade!!...

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Uma segunda oportunidade

Na peça Bela Adormecida. Conheça a história e o novo projecto do CCB, Companhia Maior.

A peça Bela Adormecida, que sobe ao palco no próximo dia 28 de Outubro, no Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, foi reescrita pelo encenador Tiago Rodrigues e pretende valorizar as memórias e a experiência dos que por cá andam há muito mais tempo e que tanto têm para partilhar. Trata-se da primeira apresentação do projecto Companhia Maior, onde a idade maior é encarada não como uma fatalidade, mas sim como um manancial de oportunidades.
Pensado e desenvolvido pela actual directora da Companhia de Bailado Nacional, Luísa Taveira, este projecto artístico pretende, segundo a mesma, dedicar-se “à criatividade e à expressão artística dessa fase da vida”.
A responsável pelo projecto explica que “uma das facetas que mais valorizamos neste projecto é o contacto entre os artistas maiores e gerações mais novas da criação contemporânea. Acreditamos que o interesse artístico reside, efectivamente, neste contacto e colaboração entre gerações”.

A passagem do tempo

Nesta versão da Bela Adormecida não existe feitiço, nem permaneceram jovens aqueles por quem o tempo passou. Pelo contrário, estiveram sempre acordados, apenas sentem que renasceram, pelo simples exercício de evocar a memória.
É uma história sobre a passagem do tempo e as segundas oportunidades, que junta a dança, o teatro e a música para revelar as histórias e a experiência dos intérpretes. Um espectáculo feito com vozes mais roucas do que é habitual, mas certamente mais sábias e, acima de tudo, capazes de arriscar porque são vozes do presente.

Horário


28, 29 e 30 Outubro, às 21horas

31 Outubro, às 17 horas
Pequeno Auditório - Sala Eduardo Prado Coelho



Preços

Plateia - 12,5€

Laterais - 10€



Informações ou Reservas

Através do telefone (+351) 707 303 000 e fax (+351) 21 361 25 60, 
email: bilheteiraccb@ccb.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário